MODA FITNESS

A moda fitness conquistou as mulheres ao redor do mundo com as modelagens, cores, estampas e tecidos que enobrecem a peça e, de quebra, denota muito da personalidade de quem a veste. Legging, top, short-saia e muitos outros são os queridinhos de quem não abre mão de um visual de arrasar.

Aproveite esse momento para conhecer um pouco sobre a história da Moda fitness, a evolução dos modelos ao longo dos anos e também os itens básicos que não pode faltar no seu guarda-roupa de academia. Confira abaixo!

Moda Fitness

Moda Fitness é nossa paixão e inspiração, já que notamos que muitas mulheres buscam  momentos para cuidar da saúde e bem-estar. Seja caminhando no parque, treinando na academia, aulas de zumba, yoga ou outra atividade física.

E nós, sabemos da importância de ter uma roupa para academia confortável que atenda a necessidade para cada prática. A escolha dela faz toda a diferença para a rotina, afinal ela será sua companheira de treino, caminhada ou atividades ao ar livre.  

Somados a isso, está o estilo e personalidade de cada mulher que fica evidente com o visual atribuído. Com roupas mais ousadas, discretas, tons coloridos, neutros, os detalhes que compõem a peça, tudo isso transmite um pouco a respeito da sua identidade. Dê asas à imaginação e arrase!

A origem da Moda Fitness

Na história da moda em geral, podemos ver que muitas roupas marcaram sua época pelas estampas, modelagem e por detalhes que tornam cada peça única. Na moda fitness não foi diferente, com passar do tempo o vestuário foi evoluindo à medida que o esporte foi ganhando adeptos.

Tudo começa em 1910 quando os exercícios físicos, basicamente eram alongamentos corporais. Nesse cenário, era comum a mulher usar o que podemos considerar como se fosse uma camisola ou uma saia longa e uma camiseta bem larguinha.

Nos anos 30, o Reino Unido trouxe uma nova versão para a vestimenta esportiva. Os membros que participavam de aulas em grupos da Liga Feminina de Saúde e Beleza, vestiam shorts pretos e camisas de cetim branco. Surgia ali um novo conceito para a moda fitness.

A partir daí, a roupa para academia começou a ter uma atenção especial para a confecção, principalmente para as mulheres. Os desenhos ganharam formas com os macaquinhos mais justos ao corpo com as pernas à mostra. Depois vieram os shorts de cintura alta e camisetas de manga comprida, nos anos 40, e outras opções foram surgiram como as calças cigarretes.

Saltando no tempo, já nos anos 70, uma estrela de Hollywood inovou com o Jazzercise. Uma mistura de jazz com movimentos aeróbicos, para emagrecer e tonificar a musculatura, que cativaram a galera que saiu em busca de um traje para acompanhar esse ritmo.

E não era qualquer peça, e sim, uma que tivesse o conforto para mexer o corpinho até cansar. Então, perceberam a necessidade de confeccionar roupas que apresentassem justamente esse quesito, sem se importa com a modalidade esportiva. Com isso, a moda fitness passou a proporcionar a comodidade que perpetua e agrada a todos.  

Já na década de 80 foi definitivamente o estilo marcou a moda nos Estados Unidos com o colorido e cortes nas roupas de ginástica. Sem nos esquecermos, das faixas na cabeça, das polainas coloridas, os tênis que dispensam comentários e outras miudezas que introduziram a moda fitness no cotidiano das pessoas.

A evolução dos tecidos para Moda Fitness

E não foram apenas as roupas que evoluíram, os tecidos acompanharam essa transformação da moda com ajuda da tecnologia que avançou ao longo do tempo. O resultado foi à descoberta de materiais e fios que pudessem trazer o conforto que todo atleta precisa para suportar sua jornada de treinos. Podemos mencionar dois mais comuns: Elastano e Poliéster.

O poliéster é um tecido sintético, derivado do petróleo, que se destaca por ser difícil de amassar e sua durabilidade. Esse tecido é bem utilizado nos uniformes esportivos, como exemplo, no futebol. O Elastano é um filamento sintético, que se tornou um bom substituto da borracha. Assim como o poliéster, ele também é derivado do petróleo, o seu diferencial está na sua elasticidade.

Lembrando que a escolha das peças e tipos de tecidos deve estar de acordo com a prática esportiva e que proporcione a liberdade para os movimentos sem preocupação e sem te atrapal

 

5 peças essenciais de roupas de academia 

 

Se você ainda está na dúvida de qual peça precisa ter no seu guarda-roupa, listamos as peças coringas para compor o look de academia.

Calça Legging Fitness – ela está no topo da nossa lista, já que toda mulher precisa de uma legging para os dias mais friozinho. Pode ser com tons queridinhos como preto e cinza ou mais chamativos como neon e outros tons que são tendência o ano todo. Há os modelos estampados que mesclam charme e beleza em um só lugar.

Saia Short Fitness – com a chegada dos dias quentes, elas são bem-vindas. ?O short-saia é uma ótima opção que te deixa muito à vontade para executar os exercícios com tranquilidade.

Body Feminino – não poderia ficar longe da nossa lista, jamais. Eles são tendência o ano todo, e vira e mexe, voltam repaginados para delírio das mulheres que amam o clássico body. Uma das vantagens é que pode ser usado para compor um look casual ou para balada que é sucesso garantido.

Top Fitness – outro item que muitas mulheres gostam de ter por apresentar maior segurança e sustentação. Ele pode ser usado por baixo da camiseta ou apenas ele.

Short Fitness – conforto e versatilidade não faltam nessa peça que acaba sendo usado não apenas nos treinos, mas também, em outros lugares.

Lembrando que é bem importante optar por roupas sem nenhum tipo de desconforto. Por isso, atente-se ao tamanho das peças para não comprar um número menor ou um modelo muito justo ao corpo que não permita os movimentos com leveza.

 

Agora, aproveite as dicas e escolha seu modelo favorito, não importa que seja colorido, neutro ou estampado e desfile com seu look arrasador pelo parque, academia ou outro lugar por aí com muito estilo, personalidade e atitude.